post

Olha lá… é um dinossauro!

WP_20170331_002

Todo mundo sabe que a imaginação infantil é algo sem limites. É incrível observar como um simples objeto pode se transformar em uma coisa digna de uma aventura do “Indiana Jones”. Mas não me canso de me divertir com isso.

Nesta semana fui levar o Huguinho ao pediatra. Ele não estava se sentindo muito bem e começou a ficar nervoso no carro. Estávamos só nós dois, e o nervosismo dele foi me atingindo. Ele não parava de chorar, reclamar de dor, e eu já não sabia mais o que fazer. Foi quando tive uma ideia: “Olha lá atrás da árvore… será que tem um dinossauro?”, disparei quando nos aproximávamos de uma mata que margeia a Dutra. Ele parou imediatamente de chorar e ficou entusiasmado. “Será, mamãe? Um dinossauro grande, verde e muito bravo. Será?”.

Daí por diante foram 20 minutos procurando o dinossauro atrás das árvores, atrás dos carros e do que mais aparecia pela nossa frente. Ele viu o dinossauro dentro do ônibus, escondido na caçamba de um caminhão e até voando em um avião.

Quando nos aproximávamos do “dinossauro”, ele conseguia fugir. O mais incrível nessa história é que eu só dei a ideia. O restante ficou por conta dele. A história foi crescendo, aumentando e ganhando dimensões que nem sonharia em inventar.

Estamos vivendo uma fase agora muito divertida. As frases que “saem do nada”! A mais recente e divertida tem a ver com ovos de chocolate. Como estamos nos aproximando da Páscoa, pipocaram nos supermercados ovos de todos os tipos. Mas quem disse que são de chocolate? Segundo o Huguinho, são ovos de galinha, mas de tipos diferentes. Tem o Kinder Ovo, por exemplo, um ovo de galinha, embrulhado, que vem brinquedo dentro. Como ele virou chocolate ele não sabe, mas que é um ovo de galinha… ah isso é!

E a borboleta que morde? Ora… ela vem voando pra cima dele, com os dentes muito afiados. Tem dentes grandes, brancos e doidos para dar uma mordiscada!

Ahhh… e não posso esquecer de uma cena que assistimos outro dia. E não é que um “rato pegou um gavião”? Não foi o contrário, o Huguinho garante!!!

Outra dica, se forem com ele no supermercado e ele pedir algo, não digam que está caro e que é para ele escolher uma coisa mais “barata”, porque “barata não, mamãe”, “barata é nojo”.

São pequenas frases como essas que deixam nossos dias mais leves e divertidos, independente de como eles realmente estejam. Afinal, não é todo dia que a gente vê um “mosquito comendo uma lagartixa”. Aqui em casa, pelo menos, acontece sempre!

One thought on “Olha lá… é um dinossauro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *